• Villaggio Café

     [Estabelecimento FECHADO]
  •  
  • Facebook Twitter Google Plus Email  |  Comunicar erro BSP
 
Categoria:  Bares , Bar
Endereço:  Praça Dom Orione, 298 - Bela Vista - São Paulo - SP

O Villagio Café, uma das principais casas de shows de São Paulo está situado em frente à praça Dom Orione, no Bixiga, e com mais de 10 anos de atividade. O espaço foi fundado em 17 de junho de 1992 por Rozana Lima e Zé Luiz Soares, atual diretor artístico da Lua Discos. Desde então, a partir de 1993, o Villaggio Café passou a contar com música ao vivo, com a roda de choro conduzida aos domingos pelo grupo Choro, Seresta & Cia., no mesmo dia em que acontece a a tradicional Feira de antiguidades do Bixiga, na Praça Dom Orione.

Em junho de 1995, o cantor e compositor, Lula Barbosa, inaugurou um novo período, marcado por shows de artistas consagrados. No dia 19 de agosto, com a apresentação de Ione Papas, Ana Bernardo e o Grupo Choro, Seresta & Cia. foi inaugurado o Painel Noel Rosa, mesma data que o famoso sambista tornou-se patrono do Villaggio Café.
Artistas brasileiros, conhecidos por comporem MPB, como Zeca Baleiro, Sérgio Santos, Evaldo Gouveia, Yvette Matos, Renato Braz e Toninho Nascimento apresentaram trabalhos, ao vivo, no ano seguinte. E, no início de 1997, o multi-instrumentista Filó Machado conduziu uma série com 16 shows, com banda completa: teclado, bateria, baixos e guitarras. Até então, o bar apresentava somente espetáculos acústicos, de voz e violão.

Em julho do mesmo ano, Moacyr Luz interpretou o samba carioca, que viria a se tornar um dos estilos para definir a casa. Com as portas abertas, realizou shows de importantes sambistas cariocas, como Zé Ketti, Dona Ivone Lara, Walter Alfaiate, Monarco, Luiz Carlos da Vila, Noca da Portela, Wilson Moreira e Guilherme de Brito, além dos paulistas Germano Mathias, Paulo Vanzolini, Carlinhos do Cavaco e Luizinho SP, tudo sob a retaguarda do grupo Café com Leite, hoje o requisitado Quinteto em Branco e Preto.
Ainda no anos de 97, o letrista José Carlos Costa Netto, o diretor artístico da Dabliú Discos, reuniu artistas, como Roberto Menescal, Eduardo Gudin, Vânia Bastos, Vicente Barreto, Thomas Roth, Juca Novaes e Daisy Cordeiro para interpretarem partes de sua obra. No mesmo ano, mais dois grandes nomes ocuparam o palco do Villaggio: a cantora Fátima Guedes e o cantor Claudio Nucci.

Um ano depois, em 1998, as apresentações do instrumentista e compositor mineiro, Toninho Horta, e do compositor carioca, Guinga, reforçaram a vocação do Villaggio como sede de shows de nomes representativos da música brasileira, em São Paulo.

O café promove cerca de 300 shows por ano, de terça a domingo, sem interrupções. Um recorde.

Em junho de 2002, o Villaggio Café foi palco de artistas em começo da carreira, como Chico César, Zeca Baleiro, Jorge Vercilo, Ceumar, Fred Martins, Juliana Amaral, Dorinna e Yamandú Costa, e sede das últimas apresentações de Zé Ketti, João Pacífico, Marisa Gatta Mansa e Mestre Xixa. No mesmo ano, completou 10 anos, comemorados oficialmente com o CD duplo “Villaggio Café – 10 anos”, lançado pela Lua Discos. Neste, registros ao vivo captados no palco de artistas como Guinga, João Pacífico, Nelson Angelo e Moacyr Luz.

Idioma popular, grupo paulista de samba formado em 1998, faz apresentação ao vivo, a partir das 17h, no palco do Villaggio Café. O repertório inclui vasta bagagem musical, composta por grandes sambistas, intérpretes e compositores do cenário brasileiro, dentre alguns há Noel Rosa, Zeca Pagodinho e Paulinho da Viola. Durante o ao vivo, os músicos também tocam as canções do álbum, que inclui baladas de caráter educativo e transitam por uma variada vertente do samba e trazem para o palco curiosidades do ritmo.Miriam Mirah, fundadora do grupo Taracón, faz apresentação ao vivo, onde toca alguns sucessos de carreira e, no palco, relembra as melhores canções dos 30 anos de estrada, no Villaggio Café, a partir das 22h. No Ensaio Geral ao vivo, a cantora traz para a casa, músicas rearranjadas em uma concepção simples, purista e de instrumentação acústica. O repertório inclui Soy Loco por ti, América, Mira Ira e muitas outras.
Villaggio Café não possui consulta de aniversário, confira outras casas.

Localização Villaggio Café

 

Cobertura Fotográfica
+ Coberturas | Busca

 

Bares na Avenida Paulista
+ Veja mais

 
  • Papo Pinga e Petisco /bares/thumbs/PapoPinga.jpg BaresSP

    Papo Pinga e Petisco
    Papo, Pinga e Petisco oferece variedades de bebidas e cachaças!

    compartilhe: Facebook 20x20  Google Plus 20x20  Twitter
  • Bar Higienópolis/bares/thumbs/higienopolis_interna.jpg BaresSP

    Bar Higienópolis
    Bar Higienópolis: boteco de bairro com jeito de bistrô

    compartilhe: Facebook 20x20  Google Plus 20x20  Twitter
  • Club Noir/bares/thumbs/noir4.jpg BaresSP

    Club Noir
    Espaço alternativo para diversão, com café-bar e shows de dramaturgia

    compartilhe: Facebook 20x20  Google Plus 20x20  Twitter
  •  

Bares em São Paulo
+ Bares

 
  • Deep Bar 611/bares/thumbs/deepbar_fachada.jpg BaresSP

    Deep Bar 611
    Deep Bar 611 oferece variedade em seu cardápio

    compartilhe: Facebook 20x20  Google Plus 20x20  Twitter
  • Vermont Itaim/bares/thumbs/Vermont Itaim 10 ok.jpg BaresSP

    Vermont Itaim
    O Vermont Itaim oferece ambiente confortável para um jantar

    compartilhe: Facebook 20x20  Google Plus 20x20  Twitter
  • St. John´s Irish Pub/bares/thumbs/stjohn_fachada.jpg BaresSP

    St. John´s Irish Pub
    St. John s Irish Pub: autenticidade e diversidade de cervejas

    compartilhe: Facebook 20x20  Google Plus 20x20  Twitter
  •  
arroba_nacionais.gif

Bares em São Paulo

 

Agenda de eventos

 

Cursos
+ Cursos

 

Drinks
+ Receitas

 
 

Loja BaresSP

 
 
 
   São Paulo   Rio de Janeiro   Porto Alegre   Curitiba   Florianópolis   Goiânia   Brasília   Guia de Motéis

ESPECIAIS

BaresSP BR3 DisplayFun BaresSP eventos CervejeMe Iab Brasil