facebook tag
 
 
Cervejaria Ideal promove cicloviagem gastronômica pelos campos da Alemanha Eventos BaresSP 570x300 imagem

Cervejaria Ideal promove cicloviagem gastronômica pelos campos da Alemanha

Sócios da Cervejaria Ideal unem passeios de bicicleta com cervejas

Mateus Diniz Omena 

 

Em Janeiro, a Cervejaria Ideal abre as reservas para mais uma edição do Bike & Beer, projeto que une passeios de bicicleta com visitas à fábricas tradicionais e históricas da Alemanha.

Como os passeios incluem paisagens espetaculares, castelos, visitas às cervejarias e muita festa, a cervejaria paulistana batizou o roteiro de viagem de Bike, Wine & Beer 2019. A cicloviagem tem início no dia 17 de Agosto e será guiada pelos proprietários do bar Steffen e Daniela Ohnemüller.

A região de Rheigau foi escolhida pela Cervejaria Ideal como cenário do percurso, em razão do famoso cultivo e produção de vinho branco Riesling, além de icônicas cervejarias como a Koblenzer, em Koblenz e Vulkan em Mendig, importantes nomes no mercado de cervejas do país.

Conhecida pelas cervejas de estilo Kölsch, a cidade de Colônia também está incluída no roteiro de viagem.

Além dos passeios de bicicleta, os viajantes podem visitar a cidade de Düsseldorf de trem e degustar a escura cerveja “Alt”, nas cervejarias Schumacher e Uerige.

Os guias e proprietários da Cervejaria Ideal, Daniela e Steffen Ohnemüller conhecem bem a região de Rheigau seus encantos não apenas pelas edições anteriores do Bike & Beer, mas, principalmente, pela suas fortes relações com a Alemanha. Steffen nasceu na região alemã do Rio Reno e desde jovem é apaixonado por cervejas e cicloturismo, unindo a atividade esportiva aos passeios gastronômicos. Além de ter vivido no país por muitos anos, Daniela tem grande conhecimento sobre os hábitos e a cultura da população de Rheigau.

 

Percurso do tour

1° Dia - 17 de Agosto (sábado): Chegada individual em Mainz

Passeio pela cidade com os maravilhosos monumentos arquitetônicos e seus museus como o Museu Romano-Germânico e o Museu Gutenberg.

No final da tarde, informação sobre o tour (Briefing) e entrega das bicicletas. E talvez uns primeiros chopinhos na microcervejaria “Eisbräu”.

 

2° Dia - 18 de Agosto (domingo): Mainz – Rüdeshei,  de 35-50 km

Bem vindo à Herança Cultural Mundial da UNESCO! No primeiro trecho o rio ainda flui devagar, formando belas ilhas e chegando a uma largura de até 800 mts. Passagem por vinícolas e vilarejos que vivem do vinho, como Eltville. O  destino de hoje é a famosa cidade de Rüdesheim que extrai seu sustento do vinho: há bares, restaurantes e um teleférico que leva o viajante a um mirante de perder o fôlego no topo das montanhas. À noite tem visita à mais famosa Festa de Vinho da região no centro histórico da cidade.

 

3° Dia - 19 de Agosto (segunda-feira): RüdesheimSt. Goar cerca de 40 km

O vale fica mais estreito agora onde fortalezas e castelos protegem o vale do alto das montanhas (a maioria pode ser visitada). Passeio em torno da famosa rocha “Loreley” que antigamente causou a morte de muitos marinheiros, diz a lenda que uma jovem loira penteava os cabelos em cima da rocha e desviava a atenção das tripulações.

 

4° Dia - 20 de Agosto (terça-feira): St. GoarKoblenz, cerca de 35 km

Passeio no vale romântico e estreito cheio de história. Em Boppard há a possibilidade de pegar um teleférico a um mirante no meio da floresta (“Vierseenblick” = Vista dos 4 Lagos). Pernoite em Koblenz onde o Rio Mosel encontra o Rio Reno, sensacional! Antes de chegar, tem visita à Cervejaria “Koblenzer” com possibilidade de degustar vários tipos diferentes de cervejas.

 

5° Dia - 21 de Agosto (quarta-feira): KoblenzBad Godesberg cerca de 60 km

A partir deste dia, o vale “se abre” e dá lugar a vinícolas, vilarejos, Biergärten (jardins de cerveja) e piscinas de águas termais. Neste ponto, há duas possibilidades de roteiro : pegar um desvio pelo interior para fazer um “Beerbreak” na Cervejaria “Vulkan” que possui as cavernas mais profundas do mundo para a maturação da bebida. Ou visitar o romântico vale do rio Ahr com os seus vilarejos e vinícolas centenários. Depois um pedal gostoso beira rio até Bad Godesberg.

 

6° Dia - 22 de Agosto (quinta-feira): Bad GodesbergColônia (Köln), cerca de 45 km

De manhã, passagem por Bonn, a antiga capital da Alemanha ocidental com muitos pontos turísticos. Durante a pedalada, as imponentes torres da catedral (Dom) já são vistas de longe. Como a etapa de hoje não é muito longa, sobra tempo para visitar o centro histórico e as famosas cerveja-rias “Früh” e “Päffgen”. A noite entrega das bicicletas.

 

7° Dia23 de Agosto (sexta-feira): Colônia DüsseldorfColônia

Passeio de trem (30 min) para a cidade de Düsseldorf. Caminhada pelo centro histórico, chamado popularmente de “o balcão mais comprido do mundo” por causa da enorme quantidade de bares. Visita à Cervejaria “Schumacher” com degustação da cerveja “Alt” na mais antiga cervejaria da cidade. Depois uma saideira na “Uerige” (www.uerige.de/en). Retorno de trem.

 

8° Dia - 24 de Agosto (sábado): Partida após o Café da Manhã

 

 
 
 
 

 

BaresSP   BR3   DisplayFun   BaresSP eventos
 
<