Repaginado Club Manga Rosa será reaberto nesta semana Eventos BaresSP 570x300 imagem
    Arroba_marketUp1.png

    Repaginado Club Manga Rosa será reaberto nesta semana

    Repaginado Club Manga Rosa será reaberto nesta semana

    Por Omnipress Comunicação Empresarial | 11 de Agosto 2008 - Publicado em 11 Agosto 2008


    O Club Manga Rosa, depois de grande reforma, reabre, repaginado e melhor do que nunca, na próxima sexta-feira, 15 de agosto, com a apresentação dos DJ's argentinos Heatbeat, que tocam pela primeira vez em São Paulo. Considerada uma das melhores casas de música eletrônica - conhecida mundialmente - o "Manga" é fenômeno de público em seus quase dez anos de vida graças a assíduos freqüentadores (de 18 a 30 anos). O Manga está na rota dos grandes clubs internacionais, entre as grandes capitais do mundo.

    O ambiente da casa, localizada no Brooklin Novo, é amplo e confortável. Seu sistema de som com grande qualidade e potência, freqüentemente é elogiado por DJ's internacionais em apresentações no próprio club. A iluminação impecável adicionada a um grande e moderno painel de led (este que apresenta imagens colocadas por VJ's que interagem com as músicas tocadas pelo DJ) ratifica o já consagrado Manga Rosa como um dos pilares da e–music brasileira. Ou seja, o que já era ótimo ficou ainda melhor.

    A História do Manga Rosa

    O Manga Rosa foi inaugurado em 2 de março de 1999, marcando o início de uma jornada de muita irreverência e diversão. A casa, desde sua inauguração até hoje, é mainstream para uns e underground para outros. É um dos poucos, senão o único club, onde só se toca, realmente, música eletrônica. O Manga promove festas atuando, também, como núcleo especializado em eventos, diferente de outros clubs que não atuam, constantemente, neste mercado. Mais de 800 mil pessoas já estiveram nas festas e nas noitadas do Manga Rosa nestes nove anos de atuação.

    O Manga foi o único club brasileiro onde a lenda Carl Cox "tocou" e enfatizou em seu site pessoal a grande noitada que vivenciou.

    Em 10 de maio de 2008, o Manga Rosa comemorou seus nove anos dentro da pista do Autódromo de Interlagos (bem perto da curva da ferradura), com uma mega produção. Até agora foi o único evento de música eletrônica depois de anos a acontecer dentro do Autódromo. Foi com o Manga Rosa que, novamente, a música eletrônica fez mais barulho que os motores no templo do automobilismo nacional.

    Um Marco na música eletrônica no Brasil

    Muitos DJ's foram lançados pelo Manga Rosa. Já se apresentaram lá as melhores atrações nacionais e também os grandes Tops DJ's mundiais, tais como Carl Cox, Misstress Bárbara, Kevin Saunderson, Andy Moor, Gabriel & Dresden (Josh Gabriel) Technasia, Marco Balley, 16 Bit Lolita's, G Areth Emery, Valentino Kanziani, Henze, Christian Smith, Trevor Rockliffe, Ferry Corsten, Paul Oakenfold, Speed J, Funk D'VOID, Preach, Marco Carolla, Oxia, Billy Nasty, Phil Kieran, Filterheadz, Bryan Cox, Chris Liberator, Stanny Franssen, Justin Robertson, Marko Nastic, Tim Taylor, Sharpside, Oscar Mutero, John Selway, Glen Wilson, Henrrik B., Dylan Drazen, Red Head, Thermobee, Jerome Hill, Marco Lenzi, Oberon, Dave the Drummer, C1, Ade Fantom, John Terry, Marco V., John “OO” Fleming, Graham Gold, Stereo Jack e muitos outros.

    Saiba mais sobre os DJ's argentinos Heatbeat

    Há apenas dois anos, uma dupla de DJ's e produtores chamada Heatbeat já nasceu nos rankings especializados. A versatilidade e técnica fizeram com que incluíssem suas faixas nos atuais hits de progressive.

    DJ's como Paul van Dyk, Armin van Buuren, Tiesto, Markus Schulz, e Ferry Corsten, entre muitos outros são vistos tocando faixas do Heatbeat, entre uma gig e outra.

    Agora, esses jovens garotos de Buenos Aires, Agustín Servente Being, de apenas 21, e Matias Faint, de 23, têm fixado sua fervorosa visão.

    Mais recentemente, seguraram a posição número 1 nos downloads de Trance do Beatport, nas duas semanas que seguiram o Winter Music Conference 2008, em Miami, com sua track de Tech Trance "Push Over", no sub-selo de Armada, Soundpiercing.

    Dados para roteiro

    Club Manga Rosa
    Rua Guararapes, 1754 – Brooklin Novo - São Paulo, SP

    WebSite: www.clubmangarosa.com.br
    E-mail: manga@clubmangarosa.com.br

    Horário de funcionamento: sexta-feira e sábado, das 23h até o último cliente.

    Preços: R$ 30 a R$ 120

    Aceita os cartões de crédito Visa, Mastercard e Amex.
    Aceita os cartões de débito Rede Shop, Maestro e Visa Electron.
    Não aceita cheque.

    Acesso para deficientes.

    Estacionamento com seguro e manobrista: R$ 15

    Reabertura: 15 de agosto de 2008.

     

    TAGS
     
     
     
     

    Bares em São Paulo

     
     

    Notícias BaresSP

     

    BaresSP publicidade 980x90 bares


    topo