Teatro Aliança Francesa recebe reestréia de O Natimorto - um musical silencioso  Eventos BaresSP 570x300 imagem
    300x250-banner-equipotelSP_semana-hospitalidade.gif

    Teatro Aliança Francesa recebe reestréia de O Natimorto - um musical silencioso

    Teatro Aliança Francesa recebe reestréia de O Natimorto - um musical silencioso

    Por Vanessa Fontes - Arteplural Comunicação | 16 de Junho 2008 - Publicado em 16 Junho 2008


    Na programação do projeto Palco & Platéia, que retorna ao Teatro Aliança Francesa, agora com patrocínio do Banco Santander, a peça O NATIMORTO – um Musical Silencioso, baseada no segundo romance de Lourenço Mutarelli (de O Cheiro do Ralo) reestréia dia 19 de junho, quinta-feira, para temporada às quintas e sextas, às 21h30. Até 1º de agosto.

    A ação se concentra num quarto de hotel onde dois personagens – um homem e uma mulher – confrontam sua própria solidão. É a história de amor entre um agente de talentos obcecado pelas fotos impressas no verso dos maços de cigarro (Nilton Bicudo), que não consegue agir, e uma cantora promissora, mas sem voz (Maria Manoella).

    A partir dessa situação insólita, Lourenço Mutarelli – cartunista premiado e um dos escritores “malditos” da nova geração – extrai um enredo recheado de humor cáustico, agilidade dramática e surpresa. O elenco também traz Martha Nowill no papel da mulher do agente, todos sob a direção de Mário Bortolotto.

    O texto “O Natimorto”, de Lourenço Mutarelli, chegou ao conhecimento da atriz Maria Manoella em 2005, por meio do diretor de cinema Heitor Dhalia, que já havia feito um filme (“Nina”), utilizando desenhos do escritor. Na época, Dhalia preparava a filmagem de “O Cheiro do Ralo”, baseado em um romance de Mutarelli. Em 2006, o autor foi indicado ao Prêmio Shell de Melhor Texto Teatral por “O Que Você Foi Quando Era Criança”. Lendo “O Natimorto”, Maria Manoella logo identificou a forte vocação da história para ser levada ao teatro.

    Sobre a encenação

    Focalizando as atitudes viciadas do cotidiano, a encenação de O Natimorto visa ressaltar a linguagem original e destacar o tom próprio do “cartoon”, que caracteriza a literatura de Lourenço Mutarelli. De acordo com Maria Manoella, “o objetivo principal da encenação é explorar as múltiplas potencialidades de um texto que trafega entre as várias mídias (romance, quadrinhos, cinema, teatro, música), num apelo à comunicação possível num mundo onde, apesar de abundância de meios, todo diálogo parece truncado e mudo”.

    Ainda segundo a atriz Maria Manoella, “a idéia é levar ao palco a obra ainda fresca de um autor jovem e vigoroso, que trata de temas eternos sob um prisma contemporâneo. O amor, a solidão, a dependência, a frustração aparecem como um jogo desconcertante de imagens e palavras”.

    Para roteiro:

    PROJETO PALCO & PLATÉIA - O Natimorto – um Musical Silencioso. Texto – Lourenço Mutarelli. Direção, adaptação e sonoplastia – Mário Bortolotto. Assistente de direção – Fernanda D’Umbra. Elenco – Nilton Bicudo (o agente), Maria Manoella (a voz), Martha Nowill (a esposa). Iluminação e Fotografia – Lenise Pinheiro. Figurinos – Cássio Brasil. Operação de luz - Alessandro Bartel. Operação de Som - Marcelo Montenegro. Produção - Iris Cavalcanti / Záfrica Produções. Cenário – Valdy Lopes. Reestréia dia 19 de junho. Temporada – Quintas e sextas, 21h30. Duração – 60 minutos. Censura – 14 anos. Ingressos – R$ 20,00 e R$ 10,00 (estudantes e maiores de 65 anos). Até 1º de agosto.

    TEATRO ALIANÇA FRANCESA - Rua General Jardim, nº. 182 - Vila Buarque. Capacidade: 230 lugares. Acesso para deficientes. Ar condicionado. COMPRE INGRESSOS - Central de vendas: (11) 3188.4141 de terça a domingo, das 11h às 19h. (Aceitam-se todos os cartões de crédito). Bilheteria: De quarta a sexta das 18h às 21h30, sábados das 14h às 22h e domingos das 10h às 20h30. (Aceitam-se cheque, dinheiro e cartões de débito).

     

    TAGS
     
     
     
     

    Bares em São Paulo

     
     

    Notícias BaresSP

     

    BaresSP publicidade 980x90 bares


    topo