Reabertura dos Bares e Restaurantes após quarentena
    99Food e Uber Eats tomam medidas para a prevenção ao coronavírus Eventos BaresSP 570x300 imagem
    Arroba_marketUp1.png

    99Food e Uber Eats tomam medidas para a prevenção ao coronavírus

    Medidas envolve entregadores, restaurantes e consumidores

    Por Michelly Lelis | 23 de Março 2020 - Publicado em 23 Março 2020


    Visto a situação atual, devido à pandemia do coronavírus, o 99Food e Uber Eats tomaram medidas em relação a prevenção do novo vírus. No 99Food, entregadores recebem kits de prevenção e orientação para entregas sem contato, além de disponibilizar lacres aos restaurantes para o fechamento das embalagens do alimento. Por sua vez, a Uber Eats oferece aos usuários gratuidade na taxa de entrega para pedidos feitos a milhares de pequenos e médios restaurantes de todo o Brasil. Confira os detalhes das decisões a seguir:
     
    99Food
    Dona da 99Food e da 99, a DiDi Chuxing criou um fundo de ajuda especial para motoristas entregadores afetados pelo COVID-19, no valor de R$10 milhões. Além disso, com base nas recomendações do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS), a 99Food criou e compartilhou guias preventivos de higiene para os motoristas, restaurantes e, também, os consumidores. O kit para os entregadores contém máscaras da categoria N95/FFP2 e álcool em gel 70% para higienização de mãos, bolsas e guidão; os restaurantes parceiros recebem lacres de segurança para incentivá-los a embalar adequadamente os alimentos e protegê-los das partículas do ambiente durante o transporte. Mais informações, de como conseguir os kits, podem ser acessadas no site 99app.
     
    Além disso, os entregadores estão orientados a manter uma distância social de pelo menos 1 metro entre as pessoas, seguindo a recomendação de prevenção da OMS. A entrega sem contato é uma opção disponível no momento do pedido através do app e, para isso, o consumidor deve realizar o pagamento dentro da plataforma. No caso de diagnóstico positivo de COVID-19 ou se algum usuário da plataforma estiver em quarentena por recomendação das autoridades de saúde, sua conta será temporariamente bloqueada como uma medida de impedir a propagação da doença. A empresa ainda mantém os pagamentos semanalmente para restaurantes. O recurso permite que os restaurantes tenham acesso às suas receitas semanalmente, ao invés do ciclo de faturamento tradicionalmente mensal.
     
    Uber Eats
    A Uber Eats oferece aos usuários gratuidade na taxa de entrega para pedidos feitos a milhares de pequenos e médios restaurantes parceiros independentes do Brasil. Os restaurantes também serão isentos da taxa de retirada quando os usuários optarem por buscar a refeição pessoalmente, além de aumentar a visibilidade destes estabelecimentos para os usuários, através do aplicativo e por e-mail marketing.  “Ouvimos de entidades do setor, como Abrasel e Sebrae, além dos próprios parceiros, que os restaurantes estão preocupados com o que a crise da saúde acarretará nas vendas, seu impacto no fluxo de caixa e sua capacidade de pagar fornecedores e funcionários”, diz o diretor geral do Uber Eats, Fabio Plein. A empresa também permite que restaurantes que cumpram os requisitos obrigatórios de qualidade se inscrevam na plataforma mais rapidamente e iniciem operações sem a necessidade de um tablet. 
     
    Orientações gerais para restaurantes contra o COVID-19
    • É de extrema importância orientar a equipe da cozinha a lavar as mãos antes e depois do manuseio de alimentos, crus ou cozidos, bem como ao entrar e sair do restaurante;
    • Orientar a todos na cozinha a usar uma máscara para evitar qualquer tipo de infecção alimentar;
    • Priorizar o uso de diferentes tábuas de corte e facas ao manusear carne crua e alimentos cozidos;
    • Fechar bem a embalagem e, se possível, colar um lacre de segurança em cada pedido;
    • Orientar que a equipe em contato direto com mais pessoas ou com dinheiro lave as mãos ou use um desinfetante entre cada transação;
    • Disponibilizar um desinfetante para as mãos ao alcance dos clientes e funcionários;
    • Certificar-se de limpar e desinfetar qualquer objeto ou superfície em contato constante com as pessoas.
     

     

     
     
     

    Bares em São Paulo

     
     

    Notícias BaresSP

     

    BaresSP publicidade 980x90 bares


    topo