Vila Butantan recebe o 4º Malbec World Day com food trucks, DJs e degustação dos vinhos Eventos BaresSP 570x300 imagem

    Publicidade

    banner_arroba_quebra_mitos_cartao_makro.jpg
    Especiais

    Vila Butantan recebe o 4º Malbec World Day com food trucks, DJs e degustação dos vinhos

    Por Lais Araujo
     25/04/2016


    Nesta quinta-feira, 28 de abril, o Vila Butantan recebe o 4º Malbec World Day, evento da âmbito internacional sempre realizado em abril, em mais de sessenta capitais e cidades, como Nova York e Hong Kong, celebrando vinhos argentinos com direito a degustação livre. No evento, vinícolas argentinas, tanto clássicas como novas, estarão presentes e oferecem ao público Malbecs nas categorias jovens, concentrados, blends de Malbec e seleções de brancos, rosados e espumantes. O evento é uma importante oportunidade dos produtores apresentarem seus lançamentos e também marcar ainda mais o prazer pela bebida com seus rótulos cultuados.

    Seguindo o padrão do Malbec World Day, um tema serve de identidade para a celebração de cada ano. Em 2015, foi a magia do cinema. Agora, o projeto valoriza ainda mais o paladar e fala com a contemporânea gastronomia de rua. Uma variada seleção de food trucks participa da noite oferecendo harmonização com o homenageado. Da cozinha brasileira, passando por ceviches e burgers, até os doces portugueses, os foods vão apresentar suas sugestões elaboradas especialmente para a noite.

    Enquanto o público degusta, wine talks - bate papos com média de duração de vinte minutos entre experts e o público em geral - acontecem. A pitada de entretenimento fica com atrações performáticas e a presença dos Djs Gabriel Salvia e Dre Guazelli, acompanhado de um sax. O label Got Wine?, que leva a cultura do vinho para eventos jovens, participa da festa.

    O ingresso custa R$ 150 e dá direito a degustação livre dos vinhos e demais atrações, sendo que R$ 40,00 são revertidos para o consumo nos food trucks.

    AS VINICOLAS

    ALFREDO ROCA BODEGA Y VIÑEDOS
    Clã de prestígio na cena do Malbec argentino e baseados em San Rafael, Mendoza, a Alfredo Roca Bodega Y Viñedos também tem um belo trabalho paralelo: a galeria Art Space Winery Alfredo Roca que periodicamente exibe mostras coletivas de arte.

    ALTA VISTA
    De donos franceses, responsáveis também pelo champanhe Taittinger, a vinícola Alta Vista tem alma francesa, mas sem esquecer o terroir argentino. Tem vinhos fortes e bem estruturados  mas oferecendo também delicadeza e toque aveludado.

    BODEGA DEL FIN DEL MUNDO - PATAGONIA ARGENTINA
    A Bodega Del Fin Del Mundo é considerada pioneira na província de Neuquén, na Patagônia argentina, e localizada em uma área onde as condições agro-ecológicas são excelentes. Usam tecnologia de ultima geração, além de tirar proveito das qualidades excepcionais do terroir patogênico e amplitude térmica positiva para a uva Malbec.

    CASA BIANCHI
    São quase 90 anos da Casa Bianchi no mundo do vinho e tida como a família pioneira na indústria vinícola argentina. Além dos consagrados rótulos, criou o LEO, em parceria com a fundação do astro do futebol Leo Messi para desenvolver projetos de saúde e educação em pról de crianças carentes.

    CHAKANA
    Nome dado pelas tribos indígenas dos Andes à constelação do Cruzeiro do Sul, a jovem vinícola Chakana nasceu em 2 de maio 002, data em que a formação estrelar atingiu uma posição perfeitamente vertical marcando o começo de um novo ciclo agrícola. Sua produção é dirigida por Alberto Antonini, famoso por trabalhar com grandes produtores italianos, como os Antinori e os Frescobaldi.

    DOÑA PAULA
    Propriedade da vinícola chinela Santa Rita e homenageando uma heroína que abrigou 120 revolucionários chilenos, que fugiam dos colonizadores espanhóis e foram os protagonistas da independência do país, a vinícola Doña Paula exporta boa parte de sua produção para mais de 60 países. O rótulo Selección de Bodega é um dos mais cultuados.

    FAMILIA ZUCCARDI
    Criada no final da década de 60, pelo engenheiro Alberto Zuccardi, a vinícola Familia Zuccardi desenvolveu um sistema de irrigação das terras e implantou no local a bodega, para demonstrar que a terra antes considerada improdutiva, poderia dar lugar à produção de vinhos de destaque. Hoje, além de vinhos de qualidade, tem métodos inovadores e centenas de hectares com vinhedos em Maipú, Tunuyán, San Carlos e Santa Rosa.

    FeCoViTa
    A FeCoVita é uma união de 29 cooperativas, com mais de 5.000 produtores e processadores de vinho. Com a integração bem sucedida, os produtores recebem uma melhor informação sobre os tipos de vinhos exigidos pelo mercado e suas necessidades, além da atualização sobre práticas agrícolas, métodos de trabalho e investimento em tecnologia.

    KAIKEN
    Criada por Aurelio Montes, co-fundador da Viña Montes, a Kaiken foi gerada com o proposito de oferecer grandes vinhos. E conseguiu. Em treze anos de história, a vinícola tem o renomado MAI Malbec 2009. O reconhecimento internacional veio também pelos guias de Hugh Johnson e Oz Clarke. 

    LA RURAL- RUTINI WINES
    Um museu do vinho anexo à vinícola La Rural garante visitação constante e apreciação de rótulos como Rutini e Felipe Rutini. O primeiro é um 100% Malbec de cor violácea com pouca transparência; bouquet superperfumado, intenso e bem avaliado.

     PULENTA ESTATE
    Além de colecionar Porsches e carros antigos, os irmãos Eduardo e Hugo Polenta criaram sua vinícola em 2002, a Pulenta Estate. De visual contemporâneo e minimalista, ela tem no comando Javier Lo Forte, um dos enólogos mais jovens e talentosos de Mendoza. Possuem boas avaliações.

    RENACER
    A Renacer surgiu em Perdiel, em 2004 e foi desenvolvida com a tecnologia mais avançada como seus tanques de aço, com capacidade para 550 mil litros, e o de cimento de 300 mil litros, conectados com um sistema computadorizado para controle da temperatura. Suas vinhas se espalham por uma área de 29 hectares, com relevância ao cultivo de Malbec.

    TERRAZAS DE LOS ANDES
    Integrante do poderoso e glamuroso grupo francês LVMH ( da Louis Vuitton e do conhaque Moët Hennessy, entre outros nomes de luxo), a Terrazas de Los Andes prima também pela elegância. Na década de 50 o grupo agregou à produção de espumantes Moët & Chandon, com uma primeira filial fora da França e justamente em Mendoza. Graças a ideia certeira e a qualidade do terroir mendoncino, foi criada a vinícola, em 99.

     TRAPICHE
    Os Malbec da Trapiche são muito consumidos no Brasil. Ela nasceu em 1912 e foi se impondo no mercado, fazendo ao mesmo tempo parte da história do vinho na Argentina. São rótulos
    equilibrados e harmônicos que buscam boa concentração da fruta e atingem boas colocações nos rankings.

    VIÑA COBOS
    Graças ao trabalho de consultorias em vinificação na Argentina, o americano Paul Hobbs resolveu criar seus vinhos com dois parceiros locais, em 77. Em seguida, construiu sua vinícola, a Viña Cobos, em Luján de Cuyo, o grande solo do Malbec. Com uma estrutura moderna, produz vinhos de altíssima qualidade e com pontuação acima de 95 por Robert Parker.

    VICENTIN
    Os Malbec da Vicentin, que chegou ao mercado em 2009, tem consultoria de Paul Hobbs e se identificam por terem muito álcool, porém com muito equilíbrio para seus tintos, rosés e brancos.
     
     
    FOOD TRUCKS E SUAS CRIAÇÕES


    AMUSE
    Um finger food e um prato principal são as sugestões do Amuse: confit de tomate e caponata de berinjela fresca servida com torradas crocantes e costelinha de porco no vinho tinto com polenta mole e queijo meia cura.

    AREPAS PICATTA SP
    Os deliciosos sandubas venezuelanos, feitos de milho moído, vão estar no Arepas Picatta SP. Escolha os recheios: carne louca com queijo e banana da terra para Malbec tinto, pernil com queijo ou guacamole venezuelana com branco ou os chamados tequenhos, dedo de queijo ou chocolate envolto por massa de farinha de trigo, com rosé.

    BOCA PIU
    E a comida brasileira encontra com  os Malbecs! Confira: galinha nordestina com arroz de chuchu, tutu de feijão crispim e couve e, para sobremesa, pudim de tapioca e jaboticaba

    CONSULADO DAS MASSAS
    Com receitas de fabricação própria, artesanais e sem corantes, o Consulado das Massas agrega para o evento uma pedida irresistível: um ravioloni de cordeiro com molho de tomate pelado, para juntar com suas sete pastas do cardápio fixo

    CANDY CRUSH
    Sobremesas refrescantes como o manjar de coco regado com caldo artesanal de Malbec, shake de sorvete de  baunilhia com Malbec e calda artesanal de abacaxi e leite de coco, além do sorvete softy de vinho Malbec em taças de acrílico coberto com calda artesanal de uvas e decorados com raspas de chocolate Belga Callebaut e folha de hortelã são as criações!

    CEVICHES A COMER
    Os sabores peruanos estarão com o Ceviches A Comer, tendo como grande pedida da noite o ceviche de mexilhões levemente picante para harmonizar com os taninos do Malbec.

    DUAS TEREZAS
    Com muita brasilidade, o Duas Terezas serve uma salada morna de lula e camarão com crocante de tapioca regada que é regada lentamente com Malbec, durante todo o processo. Outra opção são as bruschetas elaboradas especialmente para harmonizar.

    GRAXA
    O Graxa vai deixar os burguermaniacos com água na boca e um Malbec na mão: oferece porção de três mini burgers. Um com brie e molho de mel e pimenta, outro com gorgonzola e relish de pepino e, para fechar o trio, o de cheddar e maionese de leite e ervas.

    LA POLENTA
    Criou seis harmonizações de polenta como a coberta de linguiça toscana com tinto ou rosé ou a cremosa com ratatouille com branco ou rosé. Além delas, um sanduiche e dois appetizers também harmonizados.

    LE VICK
    Vai oferecer sanduiches tostex com ingredientes artesanais e receitas de família do Chef. Exemplo da porção com quatro mini tostados de boeuf bourguignon.

    LISBOETA
    Delicados doces portugueses são oferecidos pelo truck Lisboeta. Exemplo do pastel de nata, o arroz doce e principalmente o toucinho de céu, que harmonizam bem com Malbec tinto.

    ME GUSTA
    Considerado um dos melhores sorvetes da cidade sugere para a celebração os sabores morango e framboesa, sempre elaborados de forma artesanal livre de conservantes.

    MINI DOUNTS FACTORY
    Com massa feita na hora e em forma de pequenos anéis em saquinhos de kraft pardo, criou itens com três opções de açúcares como amêndoa, amaretto e a mistura exclusiva chamada mix confeiteiro contendo cravo, cardamomo, canela, pimenta-jamaica e noz moscada. Para acompanhar, caldas de ganache de Nutella, doce de leite ou creme de baunilhia.

    PANQUEOCA
    Feita com fécula de mandioca, a mesma que se faz a tapioca, essa panqueca leva ingredientes que garantem crocância por fora e maciez por dentro. Para degustar com Malbec tinto, a sugestão é recheio de rúcula, muçarela de búfala e tomates secos, no tamanho gênero finger food, dispensando assim garfo e faca.

    PARRILOCOS
    Um burger estilo finger food é a criação do Parrilocos para acompanhar um Malbec tinto. É feito de bife ancho, cheddar e maionese verde com alho e ervas, servido em mini pão de leite com gergelim.

    PITANGO
    Sucos, frutas e saladas para apreciar com os Malbec mais leves e refrescantes


    Vila Butantan, Rua Agostinho Cantu, 47, Butantã - São Paulo, SP
    R$ 150,00


    Localização Vila Butantan

     
    BaresSP publicidade 980x90 bares

     

    Agenda de Eventos em São Paulo

     

     

    Agenda de Eventos Especiais em São Paulo

     

    topo