Tudo sobre drink Manhattan Eventos BaresSP 570x300 imagem
    banner-site-youtube.jpg

    Tudo sobre drink Manhattan

    Saiba mais sobre o drink que leva o nome do bairro de Nova Iorque

    Por Michelly Lelis | 29 de Julho 2020 - Publicado em 29 Julho 2020


    O drink Manhattan é um coquetel feito com whisky, vermute doce e bitters. A International Bartenders Association (IBA) considera o coquetel Inesquecível, também sucesso em milhares de bares e restaurantes em todo o mundo. Além disso, seu nome é um tributo ao elegante bairro nova-iorquino que, segundo a lenda, foi criado no Manhattan Club, especialmente para um jantar em honra a Samuel J. Tilden, então candidato à presidência dos Estados Unidos. Confira agora, tudo sobre o drink Manhattan:
     

    O que é Manhattan?

    Além de ser referência ao bairro nova-iorquino, como já mencionado, Manhattan também se refere a um clássico na coquetelaria mundial. O drink que se faz com whisky, vermute seco, angostura e cerejas em calda. O resultado, adocicado, intenso e particular, é ideal para aqueles que procuram experimentar as mais variadas bebidas que o compõe. 
     

    Origem do Manhattan

    Visto como um dos coquetéis mais bem-nascidos da história, o Manhattan foi criado em meados de 1870, no Manhattan Club, em Nova Iorque, como já citado. A mãe de Winston Churchill, em uma das festas, ofereceu a Samuel J. Tilden, candidato à presidência dos Estados Unidos, a mistura de whisky e vermute, de sabor seco que logo o agradou. Atualmente, a bebida leva o nome do extinto bar e é uma das mais populares do país e muito consumida antes do jantar, como aperitivo. Apesar do drink ser sofisticado e delicioso, deve-se ter em conta que, por sua combinação de bebidas, é um coquetel bastante forte, por isso deve consumi-lo com moderação. Sendo um aperitivo, para tomar antes das refeições, o drink abre o apetite. 
     

    Receita do Manhattan

    Ingredientes
    2 doses de whisky • 1 dose de vermute tinto • 2 gotas de angostura • 1 cereja • gelo.
     
    Coloque todos os ingredientes numa coqueteleira e encha de gelo. Mexa por 30 segundos para gelar a bebida e coloque numa taça de coquetel com coador para tirar o gelo. Decore o copo com a cereja e sirva.
     

    Variações do Manhattan

    A tradição diz que o drink deve ser mexido e servido em um copo de coquetel, mas também funciona bem servido sobre gelo em um copo old fashioned. Alguns preferem o coquetel batido ao invés de mexido. Além disso, o Manhattan possui algumas variações, como:
     

    Añejo Manhattan

    Ingredientes
    2 shot de Tequila Añejo 100% agave • 5/6 shot Martini Rosso vermute doce • 1 dash de Angostura aromática bitters • 1 dash bitter laranja.
     
    Mexa todos os ingredientes com gelo e coe para um copo gelado. Sirva.
     

    Brooklyn

    Ingredientes
    1 ½ shot de straight ry whisky • 1 ½ shot Martini extra dry vermute • 1/3 shot Amer Picon • 1/3 shot Licor Maraschino • ½ shot de água gelada (não usar se o gelo for de máquina).
     
    Mexa todos os ingredientes com gelo e coe para um copo gelado. Decore com uma cereja luxardo maraschino e coloque na taça coupe. Sirva.
     

    Manhattan Dry

    Ingredientes
    2 shot de Woodford Reserve bourbon • 5/6 shot de Martini Extra Dry Vermouth • 2 dash de Angostura Aromatic Bitters.
     
    Mexa todos os ingredients com gelo e coe para um copo gelado. Decore com twist de limão siciliano ou de laranja e coloque na taça coupe. Sirva. 
     

    Curiosidades

    A receita original do drink Manhattan possui Rye Whiskey (whiskey de centeio). A bebida havia recém-chegado ao Brasil e, por isso, foi utilizado para a preparação do coquetel. Atualmente, não há nenhum demérito em utilizar o Bourbon whisky, já que era assim que a maioria dos bartenders brasileiros preparavam o drink antes da chegada do centeio. 

     

    TAGS
     
     
     
     

    Bares em São Paulo

     
     

    Notícias BaresSP

     

    BaresSP publicidade 980x90 bares


    topo