Glossário

Facebook Twitter Google Plus Email

A  B  C  D  E  F  H  I  L  M  O  P  R  V

A

Acre: Sensação amarga associada à presença de grãos defeituosos especialmente negros

Armazenista: Profissional responsável pela orientação dos trabalhos realizados no armazém

Armazéns Gerais: São depósitos destinados á guarda e conservação de mercadorias

Aguado: Bebida feita à base de café com excesso de água

Amostra: Porção de café utilizada para fins de pesquisa analise ou para classificação com fim de comercialização

:topo:

B

Balanceiro: Pessoa encarregada das pesagens das sacas

Balcão: Local onde de faz as ligas de café (blends)

Barista: Profissional especializado no preparo de bebidas à base de café

Bebida: Classificação habitualmente utilizada na comercialização para caracterizar o café quanto ao sabor e aroma

Bica: Nome dado a cada uma das saídas do café separado por peneiras nas operações do beneficio e rebenefício

Bloco: Conjunto de pinhas que é convenientemente disposto nas quadras

Bóia: Tipo de fruto separado que atinge sua maturação completa ainda no pé, separado por lavadores mecânicos

Borracha: Um aroma não desejável, encontrado no café robusta

Broca: Braga que ataca o fruto do café originando defeitos nos grãos

Brunimento: Técnica empregada para melhorar o aspecto do café, e consiste em submeter os grãos já beneficiados a um polimento

:topo:

C

Calador: Aparelho utilizado na retirada das amostras do café

Cambação: Processo de substituição de sacarias e acertos de peso após a colocação do café na nova sacaria

Cartão de Bloco: Cartão fixado nas sacarias para melhor identificação do lote

Cereal: Sensação de aroma e sabor a cereais crus ou torrados

Cereja: É fruto maduro do cafeeiro podendo ser vermelho ou amarelo conforme a variedade

Colheita Mecânica: Colheita realizada com máquinas

Completo: Café que tem todas suas características em forma plena e apreciável

Coroa: Nome dado as sacas de café que ficam na parte superior do bloco em números insuficientes para formar uma nova fiada

Cozido: Sabor característico no café solúvel tratado a uma temperatura alta durante sua secagem, porém não queimada

:topo:

D

Despejo: Designação do ato de se retirar o café da sacaria

Doce: Presença de edulcorante, suave, agradável na bebida feita á base de café

:topo:

E

Estranho: Característica de sabor e aroma indesejável no café

:topo:

F

Fermentado: É a matéria orgânica descomposta indesejável no café, produzida na fermentação, enzimática de compostos orgânicos.

Fiel de armazém: Responsável pela administração do armazém

Fresco: Característica gerada por um café recém colhido

Fruta: Odor e sabor natural agradável e desejável associado à fruta fresca. Está percepção evoca aromas dos cítricos e da cereja do café maduro

Furação: Consiste na retirada de pequenas quantidades de café para a formação de amostra

:topo:

L

Lastro: É a disposição dada às primeiras fiadas de café da formação da pilha

Lavador: Primeiro equipamento no qual o café passa no terreiro, sua principal função é a separação de bóia e cereja mais verde

Ligas: São mesclas de diferentes tipos de café

:topo:

M

Maduro: Café totalmente desenvolvido em sabor e odor balanceado

Madeira: Sabor e aroma causado pela presença de grãos defeituosos, (brancos, esponjosos e secos) e aparentes no processo de envelhecimento do café verde

Marcador: É o nome dado a marcação feita diferentemente na sacaria

Marcante: Nome dado a marcação feita diretamente na sacaria, com tinta em substituição ao cartão de bloco

:topo:

O

Oleoso: Quando o café é de colheita nova

P

Pano: Utensílio utilizado na colheita para que o café não seja depositado diretamente no chão

Picotagem: Ato de retirar amostras das sacas que se encontram na face externa do bloco para fiscalização

Podre: Aroma desagradável e relacionado à fermentação e decomposição

Praça: Área destinada aos trabalhos de formação de liga ensaque e reensaque

:topo:

R

Redondo: Café com características em seu justo grau sem que nenhuma seja especialmente predominante

Rejeito: Café perfeito eliminados com os defeitos na primeira separação da catadora eletrônica

Repasse: Nome dado ao café remaquinados ou reensacados

Repouso: Sabor e aroma característico do café verde que devido ao tempo e condições de estocagem pode ficar ácido e diminuído

Romaneio: Certificado emitido após a pesagem de cada conjunto de sacas colocadas na balança

Ruas: Espaço entre duas linhas de café

Rotação de estoque: Operação realizada para a verificação do estado dos sacos nas pinhas e blocos

:topo:

V

Varredura: Café proveniente da varrição dos armazéns, procedente do derrame de sacas estouradas, vazamento e picotagem

:topo:

 
 
 
336x280_bares_sp_04072016141619.jpg

Bares em São Paulo

 

Agenda de eventos

 

Cursos

 
  • BaresSP 90x90 selo_iniciante_bartender Bartender Iniciante
    Bartender
  • Barista BaresSP 90x90 selo_iniciante_barista Barista Iniciante
    Barista
  • Garçom BaresSP
    Garçom
  • BaresSP 90x90 Bartender Flair
    Flair
  • Latte Art BaresSP 90x90 selo-latte-art2 Barista
    Latte Art
  • Fotografia BaresSP 90x90 selo_fotografia
    Fotografia
  •  

Drinks

 
 

Loja BaresSP