A evolução do marketing até a chegada para o Marketing 4.0 Eventos BaresSP 570x300 imagem
    Arroba_marketUp2.png

    A evolução do marketing até a chegada para o Marketing 4.0

    A evolução do marketing até a chegada para o Marketing 4.0

    Por Fabio de Francisco | 02 de Abril 2020 - Publicado em 31 Abril 2020


    Segue um pouco do conceito do Marketing 4.0, baseado no livro de Philip Kotler, considerado o "pai do marketing moderno". O livro apresenta uma análise sólida do consumidor do presente e do futuro e oferece as informações necessárias para atingi-los da maneira mais eficaz.
    Vamos falar um pouco da transição do marketing orientado ao produto (marketing 1.0) para o focado no consumidor (marketing 2.0) e então para o centrado no ser humano (marketing 3.0), em que produtos, serviços e culturas empresariais devem adotar e refletir valores humanos para serem bem-sucedidos.
     
    Marketing 1.0

    Marketing 1.0

    Tudo começou em 1.900, durante a Revolução Industrial, onde a lei era "FOCO NO PRODUTO".
    Como era o início da Revolução Industrial, tudo que era produzido era vendido, por isso todo esforço era somente no produto e não no cliente. 
    A estratégia do marketing era de "desenvolvimento de produto".
    Como dizia nosso amigo Henry Ford: "O cliente pode ter o carro da cor que quiser, contanto que seja preto". Não existindo nenhuma diferenciação e nenhuma customização dos produtos ofertados.
     
    Marketing 2.0
     

    Marketing 2.0

    Em 1.990, após 90 anos, chegamos ao Marketing 2.0, onde a lei mudou para "FOCO NO CONSUMIDOR".
    Os clientes começaram e ter suas próprias necessidades e solicitar customizações.
    Como isso ocorreu na era da tecnologia de informação, onde já era possível identificar as necessidades dos consumidores.
    A estratégia do marketing era de "diferenciação".
     
    Marketing 3.0
     

    Marketing 3.0

    Em 2.010, após 20 anos, chegamos ao Marketing 3.0, onde a lei mudou para "FOCO NOS VALORES".
    Com a era da Nova Onda Tecnológica, os consumidores passaram a exigir valores junto aos produtos e serviços.
    A estratégia do marketing era de "valores".
     
    Marketing 4.0
     

    Marketing 4.0

    Após aproximadamente 5 anos, chegamos ao Marketing 4.0, onde a lei mudou para "FOCO NA COLABORAÇÃO".
    Com a Era das Comunidades, os consumidores além de valores, começaram a seguir mais as indicações, avaliações, reviews, notoriedades e conexões dos produtos e serviços que as empresas possuem. As redes sociais causaram esse impacto, e as informações são replicadas de uma forma bem mais rápida e para uma quantidade bem maior de pessoas.
    Vale muito mais a "indicação" de um conhecido, do que uma campanha milionária na televisão. Vale muito mais uma "avaliação" com boa nota na rede social do que um texto que diz "sobre a empresa".
    A estratégia do marketing é de "conexões humanas".
     
    Nos aprofundando um pouco mais no Marketing 4.0, destacamos esses insights para termos total atenção em nossos planos estratégicos e planos de marketing.
     
    Novo Consumidor
     

    Novo Consumidor

    Quem é esse novo consumidor? Antigamente, o consumidor era impactado por uma marca ao ligar a televisão ou ao ir ao trabalha por um anúncio no transporte público. Hoje ele fica conectado 100% do tempo, recebendo informações e conteúdo de todos os lados, de todas as formas e todo o tempo. Com o celular, ele está sendo impactado o tempo todo enquanto trabalha, estuda, se movimenta, ouve música e até quando dorme, que ao tocar uma mensagem ele pega o telefone para ver o que é.
    Esse novo consumidor hoje é "bombardeado de informação" e por isso acaba sendo "muito distraído".
    Por isso a necessidade de se comunicar com ele da melhor forma possível.
     
    Recomendação
     

    Recomendação

    O famoso "boca a boca" está cada vez mais em alta.
    Devido a quantidade de informação e a velocidade que temos em encontrar o que buscamos, o consumidor dificilmente é enganado hoje em dia. Não adianta a empresa se posicionar de uma forma e agir de outra, facilmente pode-se perceber através de reclamações, avaliações baixas, notícias, históricos de redes sociais, entre outros.
    Como estamos na Era das Comunidades, o que seu grupo indica tem muito mais valor do que a visualização de um anúncio.
    Exemplo: você precisa de um encanador, lança isso na rede social, aparecem 10 indicações. Você prefere esta indicação, do que olhar numa "lista amarela" os encanadores disponíveis.
    Por isso a importância de se diferenciar para o seu cliente, para que ele perceba uma atitude diferente e possa ser o "promotor da sua marca".
     
    Onmichannel
     

    Onmichannel

    A lei agora é "multi-canal".
    O Omnichannel é uma estratégia de conteúdo multicanal que as empresas usam para melhorar sua experiência do usuário e promover melhores relacionamentos com seu público através de pontos de contato.
    Hoje em dia você deve "estar onde o cliente está", seja no mundo off-line ou no mundo on-line.
     
    Marcas Inclusivas
     

    Marcas Inclusivas

    Antigamente, o ideal era termos "Marcas Exclusivas", onde poucos com muito dinheiro poderiam ter acesso, isso gerava um "desejo" para ter essa marca exclusiva. Hoje em dia, a dica é ter uma "marca inclusiva", onde mais pessoas possam ter acesso a ela. Com isso, você pode atingir um número maior de consumidores e obter um resultado melhor, não ficando somente focado em um grupo seleto de consumidores.
     
    Co-criação / Colaboração
     

    Co-criação / Colaboração

    Como estamos falando do Foco na Colaboração, hoje faz total sentido a marca criar um produto ou serviço para uma necessidade específica do consumidor. Essa comunicação hoje é bilateral. A marca ouve o consumidor, cria o produto e depois desenvolve o produto com a colaboração dos consumidores. Hoje isso fica muito claro nas Start Ups, o tanto que elas mudam, baseadas 100% nessa colaboração dos consumidores.
     
    Humanização da Marca
     

    Humanização da Marca

    Nos tempos de hoje, é necessário criar uma marca humanizada, para que o consumidor possa "perdoá-la", visto que as marcas não humanizadas não aceitam erros. No caso da humanização, é possível "errar de vez em quando". Com essa humanização da marca é criada uma relação de transparência e parceria da marca com os consumidores, o que faz com que ele divulgue a marca e tenha conecção com a marca.
     
    A importância do Conteúdo
     

    A importância do Conteúdo

    Baseado em tudo isso, temos a necessidade da criação de um conteúdo relevante para se diferenciar do mercado. Como o consumidor é bombardeado de informações, quando focamos no conteúdo, ele acaba achando a marca através de pesquisas relacionadas ao tema.
     
    - Rostos Humanos: utilização de pessoas reais nas campanhas, não necessariamente artistas famosos, mas pessoas do bairro que realmente utilizam o produto e serviço, criando assim uma conecção mais próxima da realidade e mostrando o perfil dos clientes.
     
    - Storytelling: é a "arte de contar histórias". Como o consumidor é bombardeado de informações, ele tende a lembrar mais de você quando sua mensagem é passada através de uma história. Isso pode causar conecção ou um gatilho mental para que na hora certa, ele lembre de você.
     
    - Animação: é fato, que além de ser bombardeado, o consumidor não tem muito tempo disponível para ler um texto enorme sobre seus diferenciais, agora se você criar uma animação de 15 segundos passando a sua mensagem com ícones visuais, a chance do consumidor parar e ver é bem maior.
     
     
    Fabio de Francisco

    Fabio de Francisco

    Sócio Fundador do Grupo BaresSP, maior guia de bares e restaurantes de São Paulo. Operador do Comida di Buteco, mais de 4mil eventos sociais e corporativos, 12mil alunos formados do Food Service. Com 20 anos de experiência em Estratégias de Marketing digital, relacionamento, divulgação, eventos e fidelização de clientes.

    empresas empresas

     

     
     
     

    Fornecedores do Food Service

     
    Fernandes Araújo e CIA Contabilidade Empresarial
    Vorus
    Gin Theros
    Vinícola Salton
    Makro
    Ecograph
    Santa Monica
    Blend Express
    Astoria
    Italian Coffee
    Studio Cris Paola
    Inove
    MarketUp
    Ouro de Kaffa
    Madalena
    Vem! Plast
    Visite São Paulo
    BeerSenses
    Franco Bachot
    Mobili Center Mesas e Cadeiras
    Casa Flora
    Paulaner
    Rj Carrinhos
     

    Tudo sobre Marketing para Bares e Restaurantes

     
     

    Tudo sobre Bebidas

     
     

    Tudo sobre Cafeterias, Cafés e Barista

     
     

    Tudo sobre Gestão para Bares e Restaurantes

     
     

    Tudo sobre Equipamentos para Bares e Restaurantes

     
     

    Tecnologias para Bares e Restaurantes

     
     

    Tudo sobre Delivery

     
     

    Tudo sobre Leis para Bares e Restaurantes

     

    BaresSP publicidade 980x90 bares


    topo