Show do Lacrimosa no Olympia por Gisele Santos do site Mundo Rock Eventos BaresSP 570x300 imagem
    arroba-germano-bar.jpg

    Show do Lacrimosa no Olympia por Gisele Santos do site Mundo Rock

    Show do Lacrimosa no Olympia por Gisele Santos do site Mundo Rock

    Por Gisele Santos | 05 de Agosto 2004 - Publicado em 31 Agosto 1969


    LACRIMOSA
    28 de julho de 2004
    Olympia – SP/SP
    Texto: Gisele Santos (Gisele@mundoock.net)
    Fotos: Pepe Brandão (Pepe@mundorock.net)
    MUNDO ROCK (www.mundorock.net)

    Apesar de ter sido realizado em plena quarta-feira, o show da banda Lacrimosa em São Paulo com certeza marcou a história do gothic metal pela maneira carinhosa do público brasileiro os receber e também pela maravilhosa performance do grupo no palco.

    Acesse nosso Canal de Shows

    Às 20h o movimento já era intenso em torno do Olympia e quem não sabia o que estava acontecido ali, passava olhando espantado para as pessoas de preto, super maquiadas e com panqueque branco no rosto. Sim! Uma verdadeira reunião do público gótico paulista, mas também contando com várias caravanas que vieram de Brasília, Rio de Janeiro, Apucarana ,Belo Horizonte, Campinas, São José do Rio Preto, Santos, Limeira, Goiânia, Porto Alegre e até do Paraguai, já que este show foi o único agendado aqui no Brasil.

    Com apenas 10 minutos de atraso, às 22h10, Sasha Gerbig (guitarra), Jay P. (guitarra), Yenz (baixo) e AC (bateria), adentraram o palco com a sombria Intro Inferno partindo para as primeiras notas de Schakal. Logo em seguida a sensual Anne Nurmi (teclado/vocal) surgiu diante do seu teclado decorado com rosas vermelhas e arrancou gritos histéricos de toda a platéia. Realmente a animação do público neste show já pode ser considerada a melhor do ano até o momento. Tilo Wolff (vocal) foi o último a entrar em cena e claro que a platéia delirou muito, principalmente ao perceberem que realmente nenhum sonho é impossível e estava ali, diante dos olhos emocionados de todos os fãs: o Lacrimosa em um palco brasileiro.

    Acesse nosso Roteiro de Baladas de Rock e Pop Rock

    O carinho da banda foi recíproco e quando alguém jogou uma bandeira do fã-clube, com o logo da banda estampado, Tilo a estendeu em frente ao bumbo da bateria arrancando muitos aplausos dos presentes.

    Os músicos são realmente muito bons ao vivo e a harmonia reina, principalmente entre as guitarras. A voz de Tilo é única, forte e clara. Quando Anne e Tilo trocavam os papéis, ele no teclado e ela nos vocais, a vocalista transmitiu muita emoção nas interpretações das músicas. Em alguns momentos a perfeição era tanta que muitos chegaram a pensar em playback, mas isso logo foi descartado ao conferir alguns improvisos que somente bons músicos como eles têm capacidade de fazer ao vivo.

    O repertório de 2 horas seguiu com: Malina, Alles Lügem, Vermächtnis der Sonne, Apart, Der Morgen Danach, Halt Mich, Alleine zu zweit, Seele in Not, The turning point, Kabinett der Sinne, Ich verlasse heut Dein Herz, Durch Nacht und Flut, Not every pain hurts, Versiegelt glanzumströmt, Darkness, Ich bin der brennende Komet, Am Ende stehen wir zwei, Copycat e Stolzes Herz. A platéia cantou em coro do começo ao fim e muitos foram embora roucos pra casa, mas nem um pouco preocupados com isso e sim muito satisfeitos com a apresentação memorável do grupo alemão.

    No final, Tilo com um sorriso de canto a canto do rosto ainda espantado com tanta animação do público brasileiro, disse: Nós voltaremos. Com certeza os corações dispararam de vez.

    A banda desembarcou em São Paulo na terça-feira, dia 27 de agosto, aproveitando para passear com o pessoal da Faz Produções, produtora que os trouxe ao país. No dia do show, 28 de agosto, às 14h, foi realizada uma tarde de autógrafos no IGT/EMT não divulgada pra imprensa. A tarde de autógrafos aconteceu em resultado da entrevista que realizei com o Tilo Wolff em 19 de junho. Eu perguntei a ele se haveria possibilidade de reservar alguns minutos para os associados do Lacrimosa Brasil Fan Club e ele nos atendeu. A princípio não havia nenhum arranjo nesse sentido, mas depois do meu pedido a banda encontrou um tempinho para nos oferecer essa oportunidade. A tarde de autógrafos foi destinada aos associados do fã-clube que vêm trabalhando em prol da banda comigo há alguns anos. Achei louvável a atitude do Lacrimosa e sinto-me muito honrada por ter conseguido retribuir o apoio que venho recebendo desses associados durante esse tempo, contou Lu Wolff (presidente do Lacrimosa Brasil Fan Club).

    Com quase 15 anos de estrada e voltando ao palco, após 03 anos afastados de shows, o Lacrimosa fez esta curta turnê do novo álbum Echos passando pelo Brasil, Chile e encerrando na Cidade do México.

    Site da banda: www.lacrimosa.de
    Site do Lacrimosa Brasil Fan Club: www.lacrimosa.brasil.nom.br
     





     

     
     
     

    Bares em São Paulo

     
     

    Notícias BaresSP

     

    BaresSP publicidade 980x90 bares


    topo