Tudo sobre brandy Eventos BaresSP 570x300 imagem
    coqueteis-classicos-arroba.gif

    Tudo sobre brandy

    Tudo sobre brandy a sofisticada bebida destilada composta por uvas

    Por Michelly Lelis | 26 de Março 2020 - Publicado em 26 Março 2020


    Assim como o whisky tem uma familiaridade com a cerveja, o brandy possui com o vinho. Isso porque ambas as bebidas são o resultado de três processos: fermentação, destilação e maturação. O brandy também é composto por uvas e, raramente, utiliza-se outras frutas, perfeito para noites frias com o seu teor alcoólico de 40% acompanhado por nozes, queijos, embutidos ou apreciá-lo após o jantar.
     

    O que é brandy?

    O brandy é uma bebida destilada elaborada, principalmente, de uvas. Diferentes tipos de uvas são usadas em composição, mas geralmente são utilizadas as brancas, já que o tanino das tintas tende a interferir negativamente no resultado. Muitos dizem que o brandy é sinônimo de Cognac, mas, para o brandy ser considerado um é necessário que as uvas tenham sido cultivadas, fermentadas e destiladas na França, na região de Charente, ao norte de Bordeaux.
     

    A origem do brandy

    A história do brandy tem grande influência da história do continente europeu. No século XVIII, durante as invasões islâmicas na Península Ibérica, o processo de destilação começou a ser utilizado em bebidas alcoólicas. Os árabes, por exemplo, acreditavam que a destilação do vinho poderia resultar em ouro. Em primeiro momento, o vinho era destilado como uma maneira de preservar a bebida e facilitar o transporte. Na Holanda, o principal destino da bebida, ficou conhecida como “bradwijn”, que significa “vinho queimado”, termo que foi alterado com o tempo, até chegar ao nome atual, brandy. 
     
    Atualmente, o brandy ainda passa por três etapas principais para a sua fabricação. A primeira, a fermentação, acontece após a colheita das uvas brancas e extração do seu suco. Durante este processo de fermentação alcoólica que os açúcares naturais da fruta são convertidos em álcool e gás carbônico, onde o gás é liberado e o álcool fica dissolvido no líquido, resultando no vinho. Logo é necessário destiná-lo para a destilação com o propósito de separar determinados elementos da bebida, a partir da diferença da volatilidade. Dessa forma, é possível controlar os sabores e aromas que serão extraídos, proporcionando maior qualidade à bebida. Por fim, a maturação é realizada em barris de carvalho, no qual os diversificados tipos de brandy variam de acordo com o tempo que permanece neste processo.

    A origem do Brandy
     

    Tipos de brandy

    Reconhecida como uma das bebidas mais clássicas, o brandy não pode faltar nos bares e restaurantes de alto padrão. Os tipos de brandy são diferenciados de acordo com sua região e estilo. Confira:
     
    • Cognac:  como já dito, o brandy de Cognac é produzido na França, na cidade de mesmo nome. Os mais clássicos brandies são feitos a partir da uva Ugni Blanc, porém o corte também pode ser composto pelas castas Folle Blanche e Colombard. Durante o seu processo de fabricação, há a segunda destilação e passando pelos barris de carvalho. Pode ser degustado puro, como também ser base de alguns licores e drinks.
     
    • Armagnac: produzido na região de Armagnac, sudoeste da França, com a presença da uva Ugni Blanck e outras nove variedades. Destilada apenas uma vez, a bebida é mais rústica sensorialmente, considerada um dos destilados mais antigos da França, com mais de 700 anos de história.
     
    • Jerez: conhecida também como Xerez, é uma bebida fortificada e licorosa típica da Espanha. Possui como característica a única destilação, vinda da uva Airén, e também deve ser mantida em barrica, onde pratica-se o sistema de solera, que consiste em misturar diferentes vinhos de distintas idades.
     
    • Pisco: bebida típica do Peru e Chile, é um destilado feito a partir do vinho proveniente principalmente de uvas pertencentes a família Moscatel. No entanto, ao contrato dos brandies, o pisco não passa pelo processo de maturação em barricas.
     
    Tipos de Brandy
     

    As principais marcas de brandy

    Como visto, alguns brandy não passam pelo processo de envelhecimento ou ficam por pouco tempo. As adegas, bares e restaurantes possuem uma variedade de marcas de brandy, no qual se destacam:
     
    • Dreher: considerada uma das opções mais barata do mercado e produzida no Brasil. A marca conquistou o mercado com a garrafa “Conhaque de Gengibre”, a base de gengibre e destilada da cana de açúcar. Indicado para apreciar um sabor picante do gengibre com baixo custo benefício.
     
    • Domecq: também produzido no Brasil, produz os destilados de vinho e não se preocupa em especificar o tempo de envelhecimento ou a origem das matérias-primas, resultando também no preço baixo. 
     
    • Fundador de Jerez: o primeiro brandy espanhol é produzido a partir das uvas Airén e envelhecido pelo método solera. Com teor de 40% é recomendado para aqueles que desejam apreciar sabores apimentados. 
     
    • Casa Bucco: a grappa da marca é produzida em Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul. Com destaque para a garrafa Grappa Ouro, a bebida é produzida a partir da fermentação de leveduras selecionadas e envelhecidas em barris de carvalho por dois anos.
     
    Drinks com Brandy
     

    Drinks com brandy

    Bastante recomendado para ser apreciado de maneira pura, o brandy também é base em alguns drinks. Confira:
     
    • Sangria:
    15ml brandy • 60ml vinho tinto • 60ml água com gás • 8ml licor de laranja • 2 fatias de laranja • 2 fatias de maçã • gelo.
    Coloque gelo em uma taça de vinho. Adicione todos os ingredientes e decore com laranja e maçã. Sirva.
     
    • Sazerac:
    60ml de brandy • 10ml de xarope simples • 3 dashes de Absinto • 2 dashes de Peychaud’s bitters • 1 dash de bebida tipo bitter • 1 casca em espiral de limão • gelo.
    Coloque gelo em um copo misturador. Adicione os ingredientes e misture. Coe em um copo rocks e decore com o limão.
     
    • Sidecar:
    1 ½ de brandy • ¾ de triple sec • ¾ de suco de lima-da-pérsia • 1 casca em espiral de limão • gelo.
    Coloque gelo em coquetelaria e adicione os ingredientes. Agite e coe em uma taça de coquetel. Decore com limão.
     

     

     
     
     

    Fornecedores do Food Service

     
    Gin Theros
    Vinícola Salton
    Fernandes Araújo e CIA Contabilidade Empresarial
    Vorus
    Makro
    Ecograph
    Santa Monica
    Blend Express
    Inove
    MarketUp
    Ouro de Kaffa
    Astoria
    Italian Coffee
    Studio Cris Paola
    Visite São Paulo
    Madalena
    Vem! Plast
    BeerSenses
    Paulaner
    Rj Carrinhos
    Franco Bachot
    Mobili Center Mesas e Cadeiras
    Casa Flora
     

    Tudo sobre Bebidas
    +

     
     

    Tudo sobre Marketing para Bares e Restaurantes
    +

     
     

    Tudo sobre Cafeterias, Cafés e Barista
    +

     
     

    Tudo sobre Gestão para Bares e Restaurantes
    +

     
     

    Tudo sobre Equipamentos para Bares e Restaurantes
    +

     
     

    Tecnologias para Bares e Restaurantes
    +

     
     

    Tudo sobre Delivery
    +

     
     

    Tudo sobre Leis para Bares e Restaurantes
    +

     

    BaresSP publicidade 980x90 bares


    topo